Judo a sério


A origem do nome judo

A ORIGEM DO NOME JUDO


Em 1882 Kano abriu seu próprio Dojô, chamado Kodokan, onde ensinava uma variação moderna do Jujutsu que ele chamava Judô. A mudança do nome se devia ao fato de que Mestre Kano não queria que sua arte tivesse a conotação negativa conferida aos praticantes de Jujutsu, pois considerava repugnante a prostituição das artes marciais através de combates remunerados e desafios. Além disso a palavra "Do", caminho, era mais adequada aos seus objetivos: fazer do Judô um caminho, uma prática saudável para o corpo e para a mente e possível de ser praticado por homens e mulheres de qualquer idade. Em sua época era freqüente o número de acidentes sérios durante os treinos de Jujutsu. Jigoro Kano afirmou ainda que o têrmo escolhido, "judô", não havia sido criado por ele, mas era muito antigo, sendo utilizado pela escola Jikishin Ryu. Para diferenciar a sua arte ele a denominava "Kodokan Judô", nome pela qual ainda é conhecida.

Em 1898, em uma de suas conferências, Jigoro Kano, assim se pronunciou:
"Eu estudei jujutsu não somente porque o achei interessante, mas também, porque compreendi que seria o meio mais eficaz para a educação do físico e do espírito. Porém, era necessário aprimorar o velho jujutsu, para torná-lo acessível a todos, modificar seus objetivos que não eram voltados para a educação física ou para a moral, nem muito menos para a cultura intelectual. Por outro lado, como as escolas de jujutsu apesar de suas qualidades tinham muitos defeitos - concluí que era necessário reformular o jujutsu mesmo como arte de combate. Quando comecei a ensinar o jujutsu estava caindo em descrédito. Alguns mestres desta arte ganhavam a vida organizando espetáculos entre seus alunos, por meio de lutas, cobrando daqueles que quisessem assistir. Outros se prestavam a ser artistas da luta junto com profissionais de sumô. Tais práticas degradantes prostituíam uma arte marcial e isso me era repugnante. Eis a razão de ter evitado o termo jujutsu e adotado o do judô. E para distinguí-lo da academia Jikishin Ryu, que também empregava o termo judô, denominei a minha escola de Judô Kodokan, apesar de soar um pouco longo."

Não se sabe muito do Jikishin Ryu, e suspeita-se que é uma variação de estilo precursor do Shirai ou Negishi Ryu, ou até do Kashima Shinto Ryu, pois seu método consiste em posicionar o pé direito um passo à frente para lançar a lâmina. A principal diferença está no modo de segurar a lâmina.Os três dedos menores ficam dobrados, enquanto o dedo indicador aponta à frente, como se fizesse uma forma de "revólver" com a mão. A lâmina fica na sua parte interna e o polegar aplica uma leve pressão de cima pra baixo, mantendo-a firme sobre o dedo médio dobrado, e segurando a ponta oposta para baixo quando a lâmina deixa a mão. O indicador então repousa na lateral da lâmina, dando suporte. O lançamento é feito simplesmente levantando-se e abaixando-se o braço a partir da lateral, enquanto um passo à frente é dado. O braço corta como se fosse uma espada.


Evolução dos estilos e Sub-estilos do Ju-Jutsu



Tai-Jutsu, Hakashu-Jutsu, Tori-Jutsu, Tori-Te-Jutsu, Koshi-No-Ma-Wari-Jutsu, Nin-Jutsu, Shubaku-Jutsu, Kogu-Jutsu, Shime-Jutsu, Wa-Jutsu, Yawara-Jutsu, Na-Kuda-Jutsu, Jikishin-Jutsu, Ten-Shin-Jutsu, Goshin-Jutsu, Te-Jutsu, Kempo-Jutsu, Bo-Jutsu, Ai-Jutsu, Shobu-Shin-Ryu-Jutsu, Kendô-Jutsu, Shira-Uchi-Ryu-Jutsu, Get-Ryu-Jutsu, Tebacu-Jutsu, Take-Uchi-Ryu-Jitsu, Yoshin-Ryu-Jitsu, Sekigushi-Jitsu, Arata-Jitsu, Shishindo-Jitsu, Kisy-Ryu-Jutsu, Daito-Ryu-Jutsu, Kogusoko-Jutsu, Kito-Ryu-Jutsu, Tenshin-Shinyo-Ryu-Jutsu, Ryshinto-Ryu-Jutsu, Takenouchirya-Kiraku-Jutsu, Sinoshindo-Jutsu.
Obs. Take-Uchi-Ryu-Jutsu – Supostamente a mais antiga escola de Ju-Jutsu do Japão, fundada por Miura-Yoshin.
Obs. Kito-Ryu-ju-jutsu - Sistema de onde vieram as principais artes marciais que hoje conhecemos, nela estudou Jigorô Kanô, Morihei Ueshiba e Terada. Nesse sistema, além do Randori (乱取り), já havia treinamentos de Katá. Ele era constituído por excelente sistema de arremessos (naguê-waza), luta no chão (ne-waza) e golpes traumáticos (Atemi-waza). Essa escola, Kito-Ryu, era a mais famosa e temida do Japão feudal.
Veremos, agora, quais as artes marciais que hoje conhecemos e que tiveram as suas origens nesta escola.
1640 – Funkundo e Terada: Kempô-jutsu-karatê
1882 – Jigorô Kanô: Judô
1922 – Morihei Ueshiba: Aikidô